Arquivo

Arquivo da Categoria ‘variedades’

Filme de Slender Man é lançado

Slender

Essa é para o pessoal do blog que adora uma história de terror. Acaba de ser lançado o filme Registros Secretos de Serra Madrugada, curta metragem nacional que aborda uma das lendas urbanas mais famosas da atualidade, Slender Man (também conhecido como Homem Esguio). Sua fama também foi cunhada pelo game homônimo independente, bastante conhecido. Slender é uma criatura muito alta, de formato humanóide e vestida de terno que, com seus tentáculos saídos de suas costas e seus poderes psíquicos, aterroriza crianças e jovens em regiões afastadas, como florestas.

Leia mais…

Categories: Filmes

Vídeo – 4 coisas que você não sabia sobre Golden Axe

Pois é: depois de uma pausa de mais de um ano, finalmente voltei a fazer um vídeo sobre games! Neste aqui, algumas curiosidades e mitos desvendados sobre o Golden Axe – incluindo aquela baboseira sobre os prisioneiros que estourou recentemente.

A ideia não foi a de fazer uma análise aprofundada; aqui o negócio é bem mais rápido, é beeeeeem rapidinho, tentando mostrar alguns fatos interessantes. Acredito que existirão outras oportunidades para fazer algo mais minucioso desse jogão, então deixemos quieto por enquanto.

Aliás, eu meio que fiz um “reboot” no meu canal. Com o pseudônimo “Virtua Gamer“, estou querendo fazer mais vídeos, seguir de forma profissional, entende? Por isso, conto com o apoio de vocês. Opiniões serão muito bem vindas, assim como sugestões de pautas futuras, etc!

Ah, e se gostou desse treco aí, não se esqueça de curtir compartilhar favoritar blá blá blá. Se quiser xingar também, manda ver!

Bayonetta e as homenagens e referências à Sega

Bayonetta Space Harrier!.mp4_snapshot_00.12_[2013.01.05_07.30.42]

Já jogou Bayonetta? Não? Faça isso antes de morrer, por favor. Sério: até agora, é um dos jogos em que mais me diverti aqui desde que comprei o Xbox 360, e inclusive pesou bastante no fato de ter escolhido a caixa preta maldita ao invés do Playstation 3, uma vez que o console da Sony recebeu uma conversão bem maltrapilha. O jogo da Platinum Games é espetacular, extravagante, extremo. É como se não existisse limite no exagero; a cada momento, um bombardeio de excelentes visuais, criaturas enormes e cenários épicos. Tudo apresentado através de gráficos sensacionais e uma trilha sonora incrível, misturando jazz e música clássica, acompanhados de uma jogabilidade fluida e divertida. A única lamentação está na história e no roteiro, que não apresenta muita coerência. Porém, definitivamente, a narrativa serve aqui mais como acessório para as estripulias interativas de Bayonetta, que são o foco do jogo.

Leia mais…

Categories: Curiosidades, variedades

O Nintendo 64 e seu áudio lamentavelmente mutilado

O Nintendo 64 era demais. Sem sombra de dúvida. Na época em que eu jogava muito esse console, não pensava de jeito algum em trocar pelo Playstation – se bem que, lembrando bem, houve uma época em que acabei me rendendo à Sony, fazendo ocasionais trocas de videogame com os amigos. Enquanto eles se acabavam com os meus cartuchos de Mario Party e Smash Bros, ia descobrindo clássicos como Metal Gear Solid, Ridge Racer Type-4, Dino Crisis 2; muita coisa boa, apesar dos load times e das texturas tortas que às vezes não suportava (e também de ter que virar o videogame de cabeça pra baixo para os vídeos não travarem).

Porém, jogando no Playstation, também descobri uma realidade cruel: o som do Nintendo 64 era fecal. E não era apenas algo que fedia. Era de fato uma deficiência grave do console, algo que definitivamente não foi uma prioridade na engenharia do sistema. Se já não bastava o fato de o videogame utilizar o cartucho como mídia de armazenamento, com limitada capacidade de memória (impedindo o uso de muitas vozes em alta qualidade), o hardware não tinha nem mesmo um chip sonoro, ou uma CPU dedicada ao áudio, nada! Todo os efeitos e músicas, todo o programa de sequenciamento, a descompressão, enfim, todo o som tinha de ser gerado via software, ou seja, competindo no mesmo espaço onde parte da programação do cartucho era processada, prejudicando o desempenho do jogo.

Leia mais…

Categories: Curiosidades, variedades

Quando o GTA encontra a Sega

CJD-500

Sim, a série Grand Theft Auto só apareceu em consoles da Sega pelo Dreamcast com uma versão de Grand Theft Auto 2. Também haviam rumores de que o Grand Theft Auto III seria lançado para esse console, mas acabou sendo cancelado. Mas há duas homenagens em que é possível ver coisas da Sega. Veja abaixo.

.

Leia mais…

A viagem do Sonic Team às ruínas Incas e Maias

Ano de 1996. O Sonic Team estava buscando inspiração para o desenvolvimento de um jogo que seria uma reviravolta na franquia do ouriço, o seu primeiro game completamente em 3D: Sonic Adventure (Dreamcast). O grupo resolve executar uma ideia recente: uma viagem às ruínas Incas (Peru) e Maias (México), a qual serviria de base para a criação de vários estágios do game. Trago nesta matéria algumas das fotos raras desta viagem, o seu roteiro completo e o momento histórico da franquia que motivou esta aventura.

.


Leia mais…

Categories: Curiosidades

Revista Old! Gamer #10 com colaboração de Rafael Fernandes!

Nosso companheiro de blog colaborou esse mês com três matérias da Old!Gamer. Primeiramente, a matéria de capa do Altered Beast, a dos mascotes e a do bizarro Pu.Li.ru.la. Abaixo um pouco da matéria do Altered Beast:

“Logo de início, vê-se um cemitério, calmo, tranquilo. Eis então que imediatamente a paz eterna de um centurião romano é interrompida pela voz que ecoa entre os confins da Acrópole de Hades: ‘Levante-se de tua tumba!’, evoca Zeus, que por meio de um trovão que rasga os céus, traz o guerreiro de volta à vida, designando-o para uma missão não tão fácil: resgatar Athenas dos braços de Neff, o nefasto deus do submundo.

.

Leia mais…

Categories: variedades

Programa Diversidade Games

Diversidade Games

Infelizmente, como sabemos, o Brasil é carente de programas de videogame em se tratando de TV. Poucos são os nomes que vêm à mente: Stargame, Game Mania (ninguém vai subir vídeos deste programa, vamos mesmo perder esta pérola?), Play Game, Game TV, G4 Brasil, e alguns outros.

Algumas iniciativas regionais e a Internet, no entanto, suprem em parte essa carência do gamer brasileiro. Descobri recentemente um programa muito bom, na verdade um quadro do programa cultural Diversidade chamado Diversidade Games. Originário do Estado da Paraíba e exibido toda quinta-feira na TV Itararé, o programa possui apresentação de Rodrigo Motta e ótimos textos de Daniel Leite.

Leia mais…

Categories: programas, Vídeos