Página Inicial > curiosidades, humor, notícias > Sega está produzindo jogo controlado por… urina

Sega está produzindo jogo controlado por… urina

Como se as pessoas já não se sentissem ridículas o suficiente com as novas experiências de jogo disponíveis no mercado – como o Wii, Kinect e PS Move – a combinação terrível entre os termos “Sega” e “japonês” é suficiente para levar tudo isso a um patamar hardcore. A empresa está desenvolvendo um brinquedo chamado Toylet” (????? ou Toirettsu), cujo nome vem de um trocadilho entre as palavras toy e toilet, e consiste em um sensor que detecta o nível de força da urina expelida para poder jogar os mini-games disponíveis no acessório. Entre alguns deles, vale destacar o desafio de limpar a pichação de uma parede com… a mangueira ou o jogo de impulsionar o vento para levantar a saia da personagem. De acordo com o site oficial do produto, “nunca foi tão divertido brincar com xixi”. Ou algo assim.

A ideia principal é de implantar o Toirettsu em banheiros de restaurantes, a fim de influenciar os frequentadores a não mijarem no chão. E, durante esse processo, inserir comerciais e outras imagens na tela do aparelho – como o cardápio do restaurante. Inspirador, não?

Agora, eu poderia fazer várias piadas e trocadalhos, como “depois de tanta cagada que a Sega fez” ou então dizer que o Takenobu Mitsuyoshi irá fazer a trilha sonora do jogo (com direito a vários berros), mas vou reservar isso aos amigos que leram a notícia. Lembrando que o “brinquedo” ainda não foi concluído, ainda está em desenvolvimento.

Fonte: Toylets Sega, Kotaku US

Jornalista de games, editor de vídeo e estudante de Audiovisual, escreve atualmente para a Revista OLD! Gamer. Além dos joguinhos, também dá pitacos sobre cinema, TV e tecnologia; sempre acreditando que a ironia é a melhor forma de sinceridade. Ouve Game Music e trilhas sonoras de filmes durante a maior parte do tempo, mas jura que é uma pessoa legal. Seguista, badernista e exorcista.

Twitter YouTube 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categories: curiosidades, humor, notícias
  1. 16, dezembro, 2010 em 10:04 | #1

    Isso me faz questionar o quanto do povo lá deve ser porco, a ponto de pensarem em desenvolver um lance assim pra desmotivar a japonesada a não mijar no chão.

    • 16, dezembro, 2010 em 10:10 | #2

      Eu acho que está mais pra um excesso de educação (se é que eu posso usar a palavra "excesso" neste caso…) do que uma falta dela. Por tudo o que leio sobre o Japão, eles estão a milhares de anos-luz à frente do Brasil em termos de respeito e educação.

  2. 16, dezembro, 2010 em 10:08 | #3

    A idéia de usar games para alguma proposta educacional pública não é nova, mas tem potencial para se desenvolver absurdamente, como visto na matéria. Mas sei lá se isso não é mais uma estranheza dos japoneses, parece um pouco exagerado.

    Ps.: Se no Japão precisam disso para educar as pessoas, no Brasil precisariam usar uma tela de cinema com som 7.1 e imagem 3D. 😀

    • 16, dezembro, 2010 em 10:59 | #4

      Eu fico imaginando as pessoas bêbadas batendo recordes no jogo e competindo nas leaderboards do mijo, que ficariam em um telão no restaurante 😉

      • 16, dezembro, 2010 em 17:46 | #5

        Heheheh, bem possível…

        • Flavio Master
          17, dezembro, 2010 em 17:07 | #6

          Afinal, se depois do advento dos portáteis muita gente já joga videogame cagando, por que não jogar mijando?

          😛

  3. Andre
    16, dezembro, 2010 em 11:41 | #7

    Eu sou dos antigos…. gosto mesmo é de dar Hadouken no Joystick e não sair quebrando tudo como muito hiperativos e malucos de plantão.
    Muito boa a matéria! Abração!!!

    • 16, dezembro, 2010 em 17:55 | #8

      Aparelhos com detecção de movimentos podem ser no futuro uma boa serventia para jogos mais hardcore e precisos, mas por enquanto, prefiro o velho e bom gamepad para comandos complexos.

      Abraço!

  4. leo_jiraya
    16, dezembro, 2010 em 13:17 | #9

    Aauhauhauh, se colocassem um jogo desse aí no Brasil, em menos de uma semana ele ja estaria destruído por vândalos!! Mas essa idéia não é nova, lembro de ler na EGMbrasil sobre um jogo movido a urina tipo esse aí.

    • 16, dezembro, 2010 em 15:44 | #10

      Não é novidade mesmo não, acho que a primeira máquina que "reconhece xixi" data de 2006. Mas a Sega aperfeiçoou em muito essa ideia!

  5. 16, dezembro, 2010 em 23:16 | #11

    Um que daria muito certo nesse método é a fase de bônus do Shadow Dancer do Arcade: http://www.arcade-museum.com/images/107/107436362

  6. Flavio Master
    17, dezembro, 2010 em 17:05 | #12

    Cara, como eu odeio ter nascido no país errado…

  1. Nenhum trackback ainda.
Você deve estar autenticado para enviar um coment´rio.
%d blogueiros gostam disto: