Página Inicial > Arcade > Especial Space Harrier – Parte 1

Especial Space Harrier – Parte 1

Space Harrier 

Space Harrier é, sem dúvida, um dos maiores clássicos da Sega. O game inaugurou uma fase de ouro da companhia nos arcades, que abriria caminho para o seu promissor sucesso no mercado de consoles também. Grande parte desse sucesso se deve a Yu Suzuki, visionário designer responsável por muitos dos sucessos da Sega.

Na primeira parte de dois do especial sobre a série, falamos sobre a versão original para arcades, lançada em 1985.

.

Confira aqui o review sobre o game

Jornalista de games, editor de vídeo e estudante de Audiovisual, escreve atualmente para a Revista OLD! Gamer. Além dos joguinhos, também dá pitacos sobre cinema, TV e tecnologia; sempre acreditando que a ironia é a melhor forma de sinceridade. Ouve Game Music e trilhas sonoras de filmes durante a maior parte do tempo, mas jura que é uma pessoa legal. Seguista, badernista e exorcista.

Twitter YouTube 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categories: Arcade
  1. 19, dezembro, 2009 em 04:54 | #1

    Felicidades por el artículo, es muy interesante, aunque el juego a mi no me gusta mucho. 😉

  2. 19, dezembro, 2009 em 11:03 | #3

    Muito boa essa primeira parte do artigo, 00Agent (Medo desse nome). SH é um dos jogos q adoro, ainda q não jogue muito.

    • 00agent
      19, dezembro, 2009 em 21:07 | #4

      @Talude

      Já pensei em mudar meu nome pra Opa Opa, mas não vai dar muito certo não!

  3. 19, dezembro, 2009 em 11:49 | #6

    Excelente post, 00Agent! Não sabia de várias informações que você escreveu e não tenho nada a corrig… digo, acrescentar.

    Eu tinha Spece Harrier 3D do Master e cheguei a jogar com os Óculos 3-D *_* . Não se esqueça de falar do port de Space Harrier para Famicom no próximo post 🙂 .

    E continue postando mais para o nosso deleite XD .

    • 00agent
      19, dezembro, 2009 em 21:06 | #7

      Essa versão para Famicom ainda estou pesquisando… Ela é meio obscura! Mas pretendo falar dela sim, dando destaque aos outros ports mais conhecidos!

      E a versão ao vivo da música tocada pela SST Band é simplesmente espetacular. Eu já havia ouvido a versão de estúdio, mas pouco havia me impressionado. Agora, quando a guitarra tomou o arranjo da melodia principal… É praticamente orgásmico!

  4. 19, dezembro, 2009 em 12:12 | #8

    Ah, e quando vi (e ouvi) pela primeira vez essa versão ao vivo tocada pela S.S.T. Band me senti nas nuvens! Foi uma sensação nostálgica incrível ^o^ .

  5. 19, dezembro, 2009 em 15:11 | #9

    Space Harrier é um game considerado como clássico e tal, mas eu confesso que nunca o joguei pra valer… quem sabe isto acaba ocorrendo um dia…

    • 00agent
      19, dezembro, 2009 em 21:08 | #10

      Cara, eu relutei muito para dar uma chance a esse jogo. Mas, agora que o joguei, tô até viciado nele… Realmente não é aquele game que você termina e esquece… Dá vontade de jogar tudo de novo!

  6. 19, dezembro, 2009 em 22:08 | #11

    00Agent, não sei se vc vai falar no próximo post, mas é interessante ver o 3D Battles of World Runner (NES).

    • 00agent
      20, dezembro, 2009 em 11:50 | #12

      Me deparei com esse jogo ao pesquisar sobre o SH pro Famicom. Talvez dê pra fazer uma menção honrosa =D

  7. 20, dezembro, 2009 em 18:22 | #13

    Nunca joguei este game, mas sempre que vejo algumas telas logo de cara me lembro do ótimo Burning Force, do Mega Drive.

  1. Nenhum trackback ainda.
Você deve estar autenticado para enviar um coment´rio.
%d blogueiros gostam disto: