Página Inicial > Dreamcast, rumores > Bomba!! Patente do controle de um suposto Dreamcast 2!!

Bomba!! Patente do controle de um suposto Dreamcast 2!!

No finalzinho de Setembro de 2010 o site UK Resistance (especializado em sistema SEGA, aonde li a notícia) trouxe uma descoberta de alguém conhecido por “Neil”: “Patente do Controle do Dreamcast 2 Descoberta“. Basicamente é uma patente de um controle de videogame que seria de um videogame  não lançado: o Dreamcast 2.  Se aqui eu tenho o cuidado de usar o termo “suposto” para a associação com o Dreamcast 2, o UK Resistence crava como “provavelmente real”. A patente foi criada em 2005 pela SEGA e concedida em 2009.

Depois de quase 2 meses analisando a patente e pesquisando o conteúdo relacionado (além de muita falta de tempo), finalmente trago para você, leitor do “Passagem Secreta” essa incrível descoberta.

Veja a seguir uma análise dos principais recursos e características do controle, segundo sua patente (registrada no US Patent sob o  número  7488254,  pode ser vista AQUI):

.

Controle [Fig 1]

Logo de início percebe-se uma grande semelhança com o joystick do Dreamcast: um direcional digital (14), um analógico (12), um botão START ao centro (16) e uma chave embaixo (18 – reset?). À direita temos, além dos já conhecidos botões A, B, X, e Y, o acréscimo do C e Z. Na frente encontramos os tradicionais L e R (22).

Fig 1

Unidades de Expansão [Fig 12]

Você pode estar se perguntando: “mas e o VMU (dispositivo de memória com display próprio que se encaixa na frente do joystick do Dreamcast)?” Pois aqui a idéia literalmente se expande: a frente normal do controle é removível, mostrando uma conexão para vários dispositivos de expansão, cada um com uma função diferente. Na imagem abaixo podemos ver três destes dispositivos:

Fig 12

Unidade emissora de imagem (50) – Um acessório para o controle que de alguma maneira envia um sinal visual para o console, talvez detecção de movimento ou posicionamento (alguém aí lembrou do Wii?).

Unidade de detecção de imagem (60) – Basicamente vemos uma lente, parecida com a de uma luneta. Ao contrário da anterior, esta capta imagens. Seria uma espécie de câmera para tirar fotos (o formato não me parece apropriado para isso) ou algo mais avançado, que busca e entende informações visuais da tela da TV para posterior interação?

Unidade de vibração (70) - Deve funcionar como um Rumble Pack (N64), fazendo o controle vibrar de acordo com a ação na tela.

.

Joystick Arcade [Fig 16 e 18]

O controle pode receber um manche de Arcade por duas maneiras: a expansão frontal do controle (Fig 16) ou um encaixe parafusado (Fig 18) por baixo do controle (item 29 da patente), ficando à esquerda dos direcionais normais. Esta segunda versão tem ainda dois botões (86a e 86b)

Fig 16

.

Fig 18

Track ball [Fig 20]

Uma roda (lembra até aquelas de mouses mais antigos) que também é  usada para movimentação de personagens no game, mas seu funcionamento é uma incógnita.

Memory Card [Fig 24]

Um cartão de memória que, segundo a patente, guarda informações dos games e do próprio controle (configurações?).  Provavelmente faria as funções de memória do VMU do Dreamcast.

Display de imagens [Fig 26]

Assim como o VMU do Dreamcast, o controle também tem a sua tela. Ela serviria para mostrar informações sobre o game ou o controle. Junte-se essa tela e o memory card e temos um VMU, embora a patente não indique essa associação.

Fig 26

Display de relógio [Fig 28]

Este estranho acessório seria útil, segundo a patente, para mostrar o tempo em que o controle está conectado, a hora em que um game começa, e pode ser usado para cronometrar eventos dos games (as famosas contagens regressivas nos finais de games do tipo Survival Horror nunca mais seriam as mesmas :D).

Fig 28

Suporte para controle-volante [Fig 32]

Outro dispositivo estranho. Dessa vez, um suporte que transforma o controle faz-de-tudo numa espécie de volante (um volante horizontal, como os de ônibus). O acessório detecta a rotação exercida pelo controle na base, transformando-a em movimento.

Fig 32

Detector de movimentos [Fig 33]

Este aqui é muito interessante: um detector de movimento, mais precisamente, de inclinação do controle. Tecnologia esta, numa primeira análise, parecida com a do jogo “Yoshi’s Universal Gravitation” (GBA, 2005), que usava uma tecnologia semelhante no próprio cartucho.

Fig 33

Modelo de controle 2 [Fig 35]

É um segundo modelo de controle, ainda mais parecido com o controle original do Dreamcast que o anterior. A principal diferença aqui é a parte de trás do controle, com duas hastes (11).

Fig 35

Vibração e detecção de movimento p/ controle 2 [Fig 39]

Um acessório com duas funções ao mesmo tempo: detecção de movimento (inclinação) e vibração. Acessório específico para o segundo modelo de controle.

Fig 39

Modelo de controle 3 [Fig 43]

Este terceiro modelo de controle é mais econômico em recursos. Só tem um direcional, não tem a chave no meio do controle, além de seu corpo ser menor e bem diferente dos outros dois modelos. Pelo que tudo indica, não há dispositivos de extensão para este modelo (no entanto, a patente deixa essa possibilidade aberta). Apesar do direcional ter um design do tipo digital (8 direções), há uma chave (524) na parte de baixo do joystick que o muda para analógico (360 direções). A patente dá uma atenção especial para os botões R e L.

Fig 43

.

Sem dúvida, os recursos que o joystick teria, segundo a patente, seriam inovadores para sua época (o Wii chegaria ao mercado apenas um ano depois, em 2006). Um hardware altamente configurável e expansivo. Só não sei se seria possível usar mais de uma expansão ao mesmo tempo num mesmo controle.

E não pára por aí não, olhe só esta outra patente da Sega, de 2008, dessa vez um sistema de memory card: US Patent US7556197.

.

Considerações Finais

.

Yuji NakaA Sega anunciou a descontinuidade de seu Dreamcast em Março de 2002. Três longos anos separam este fato da data da patente, o que praticamente descarta qualquer possibilidade deste ser um acessório para o Dreamcast original. Se um Dreamcast 2 esteve um dia nos planos da Sega (ou se ainda está), talvez nunca saberemos.  Mas o fato é que a empresa registrou em 2005 uma patente de um novo controle, muito parecido com o do Dreamcast, ainda mais evoluído. Por que motivo ela teria feito isso que não um novo videogame?

Simon Jeffery, presidente da Sega of America, disse, durante a E3 de 2008, que não havia possibilidade da Sega lançar um Dreamcast 2. Yuji Naka (um dos criadores de Sonic), no entanto, não só sonha com um Dreamcast 2 como espera que ele seja desenvolvido. Recentemente num evento em Londres, para promover o lançamento europeu do game “Ivy the Kiwi”, ele disse:

.

Eu espero poder trabalhar no Dreamcast 2. Eu sinto falta dos velhos tempos, quando eu estava profundamente envolvido com a fabricação de hardware na Sega. Eu estive envolvido com a maioria dos consoles e joysticks que a Sega lançou.

… é claro que o Dreamcast foi minha grande criação na SEGA e quero continuar fazendo bons jogos. Espero que no futuro eu tenha a oportunidade de trabalhar no Dreamcast 2.

.

Particularmente não acredito que a Sega esteja planejando voltar a fabricar consoles tão cedo, apesar da patente levantar alguns rumores. Não seria uma hora adequada para isso. Porém, embora a Sega negue até o fim, não seria tão difícil de imaginar sua volta à árdua guerra dos consoles no futuro com um Dreamcast 2, desde que melhor estruturada, continuando de onde nunca deveria ter parado.

PS.: A matéria foi criada quando ainda estávamos no servidor do WordPress. O endereço atual do site é:

http://passagemsecreta.com/

.

Referências: Baixaki Jogos, Fórum PCs, Wikipedia

Especialista em games e criador do Passagem Secreta. Cientista da computação e, nas horas vagas, professor. Já ressuscitou o Chefe da SGP e também recuperou a história do nosso jornalismo de games. Guarda a sete chaves os maiores segredos dos videogames, mas diz que só conta quando perder a timidez. Aka mcs.

Facebook Twitter YouTube 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categories: Dreamcast, rumores
  1. 27, dezembro, 2010 em 12:42 | #1

    Expectativa eterna dos fãs (nós todos inclusos :D), e curiosamente acredito que seja um bom momento para mais uma empresa no ramo: justamente por conta das novas maneiras de jogar, não há vencedores ainda, nem a melhor maneira – tá tudo indefinido. A SEGA entrando com mais uma proposta, seria a empresa mais indicada afinal só ela está de fora do hardware de jogos eletrônicos, e não estamos falando de uma empresa que não conhece o mercado… e sim da que mais conhece (que não está atuante).

    High hopes… :)

    • 27, dezembro, 2010 em 12:52 | #2

      Sem dúvida, estamos passando por um momento de indefinição, com o Wii sem muito horizonte e o PS3 e Xbox 360 com seus acessórios de movimento, seria uma boa hora mesmo. Minha dúvida seria em relação à própria Sega, se ela teria estrutura financeira para sobreviver a um novo fracasso (de atuação de mercado, é bom que se diga, porque o DC era um console estupendo). Gostaria de ver a Sega muito forte novamente antes de se arriscar neste mercado.

      Já pensou numa aliança com a Nintendo para a próxima geração? O mundo iria desabar, mas a idéia não é tão ruim assim!

  2. Felipe Miranda
    27, dezembro, 2010 em 13:01 | #3

    Mas essa figura 35 nada mais é que o controle 3d do Saturn, não? http://img.mercadolivre.com.br/jm/img?s=MLB&f

    • Felipe Miranda
      27, dezembro, 2010 em 13:08 | #4

      Aliás… a julgar pelo traço dos desenhos imagino que todos eles tenham feito parte do projeto do controle 3D do Saturn.

      Falando nisso, que saudade do meu Saturn.

    • 27, dezembro, 2010 em 13:54 | #5

      O segundo e o terceiro modelos de controle são realmente idênticos aos controles (3D e normal) do Sega Saturn. O primeiro, com todos aqueles acessórios, não (apesar dos botões serem os mesmos).

      Agora… esta patente é de 2005 (sendo aceita apenas em 2009)! Que raios a Sega estava planejando com um modelo de joystick de um videogame de 1994 em 2005!?

      Muito estranho.

      Pode realmente ser o projeto dos controles do Saturn, mas… 2005? E todos esses recursos avançados, não presentes no controle do Saturn?

      Pode ser uma reutilização de design de controle para um outro videogame (o controle normal do Saturn é muito parecido com o de 6 botões do Mega, por exemplo), pode ser um modelo de controle de Saturn para uso específico em PCs ou outras plataformas, pode ser uma atualização de uma patente mais antiga (se é que isso é possível).

      Há discussões parecidas em fóruns internacionais, mas nada muito conclusivo.

      • 27, dezembro, 2010 em 14:24 | #6

        Respondendo a mim mesmo. :P

        O terceiro modelo é parecido com o do Saturn, mas não idêntico. A parte de baixo é bem diferente, e os L e R também parecem ser diferentes.

        Mas o modelo 2 é sim idêntico.

  3. 27, dezembro, 2010 em 15:30 | #7

    Gostei dessa ideia de Joystick Modular!

    Duvido muito que algum dia pinte um Dreamcast 2, mas bem… sonhar é de graça!

    • 27, dezembro, 2010 em 16:37 | #8

      Muito interessante mesmo. Aliás, é bem típico da Sega em criar esse tipo de parafernália tecnológica…

      Também duvido que pinte um DC2 nos próximos anos. Quem sabe lá na frente…

  4. Grande Nappa
    27, dezembro, 2010 em 15:35 | #9

    Esse controle não precisa necessariamente ser de um novo Dreamcast. Eles poderiam desenvolver um controle para arcade, pc ou oferecer a Sony, Nintendo ou Microsoft. Ou também poderia ser um controle até poderia ser o próprio console, de um videogame que seria baseado em armazenamento na nuvem da internet e jogar numa tv…

  5. 27, dezembro, 2010 em 16:42 | #10

    Alguém disse num desses fóruns gringos que é normal as empresas como Sony, Nintendo, Microsoft (empresas que atualmente desenvolvem hardware) projetar e patentear inúmeros hardwares, mesmo que não cheguem a ser fabricados de fato. É um ótimo argumento, mas a Sega não me parece estar neste nível de desenvolvimento de hardware, mesmo de acessórios.

    Mas essa hipótese não pode ser descartada de maneira nenhuma.

  6. 28, dezembro, 2010 em 10:08 | #11

    A Sega deu um update na marca "Dreamcast", em 2007:
    http://www.reghardware.com/2007/12/07/sega_denies

    Ela negou que fosse algo relacionado a um Dreamcast 2. Sei lá… tem muita fumaça nisso aí…

  7. 28, dezembro, 2010 em 10:23 | #12

    Outro adendo:

    Em 2006 a IGN mostrou supostas imagens de desenvolvimento do Dreamcast 2, mas pouco explicou sobre elas: http://migre.me/3go4U

  8. 28, dezembro, 2010 em 18:30 | #13

    <blockquote cite="#commentbody-2747">
    Felipe Miranda :
    Mas essa figura 35 nada mais é que o controle 3d do Saturn, não?
    http://img.mercadolivre.com.br/jm/img?s=MLB&f

    hahaha eu vim aqui justamente pra falar isso…rs

    • 28, dezembro, 2010 em 18:39 | #14

      Sim, se este joystick (o modelo 2, da Fig 35) provavelmente é o do Sega Saturn. Só não sei que raios ele estava fazendo nessa patente de 2005.

      Aceito sugestões. :P

  9. 29, dezembro, 2010 em 10:37 | #15

    É complicado… A SEGA voltar seria, de fato, incrível, mas eles tem de tomar cuidado com os hardwares mei "mico", que foram sua cova na transicão dos 16 para 32 bits. Na boa, eu tenho um SegaCD e um 32X, mas esse segundo é uma bela porcaria de hardware que custava o preço de um kart na época, rs.
    Mas, como dito nos comentarios acima, é um bom momento para se arriscar.

  10. 29, dezembro, 2010 em 10:39 | #16

    Agora, que esse joystick parece MUITO o analog do Saturn, isso parece… Inclusive a porta de entrada tem o mesmo formato e mesmo número de pinos…

    • 29, dezembro, 2010 em 15:27 | #17

      Se de repente isso tudo for mesmo parte do projeto original (ou extendido, watever…) do controle 3D do Saturn, como o Felipe disse, também seria muito interessante.

      Saturn, Dreamcast 2, controle pra PC… só não consigo entender porque um controle de um videogame de 1994 aparece numa patente de 2005.

  11. 1, janeiro, 2011 em 06:03 | #18

    Interessante. Mas depois de duas "bombas": Saturn e Dreamcast.. a SEGA continuar produzindo videogames seria muita cara de pau. Afinal, ela abandonou os consumidores desses 2 últimos videogames muito cedo. E se a Sony abandonasse os seus bilhões de jogadoresde Playstation 2 e o 3 no meio do caminho, num momento em que a empresa passava por suas dificuldades com esses sistemas? Como os consumidores desses videogames se sentiriam? Quem sofre com isso, certamente, valoriza o que o dinheirinho suado que tem no bolso. Quanto ao controle, talvez, ele não seja de um suposto Dreamcast 2..

  12. 1, janeiro, 2011 em 08:10 | #19

    O Saturn é até discutível, já que nitidamente a Sega errou ao insistir no 2D quando o 3D começava a revolucionar o mercado. Agora, o Dreamcast, de bomba, pra mim, não tem nada. Foi um ótimo videogame, um dos que mais recebe produções homebrew até hoje.

    Infelizmente a Sega pagou o preço de ser inovadora demais e fugir do lugar comum do mercado, que é o que realmente dava dinheiro. Se ela não abandonasse a produção do Dreamcast poderia ter falido (se bem que tem outra história que diz justamente o contrário, mas fica pra outro post…).

    Pra mim, uma das coisas que também minou a Sega foi a decaída do mercado de Arcades no mundo. Era o mercado de segurança para a Sega (poderia fazer maluquices que a grana dos Arcades cobria). A Nintendo tem o dela, que são os portáteis. Se um dia, por exemplo, o mercado de portáteis diminuir uns 70% e a Nintendo dar alguma mancada feia como a do Virtual Boy, também poderia ficar na mesma situação da Sega.

    Quanto ao controle, como todo rumor não elucidado, pode ser qualquer coisa, desde um controle que nem estes que a Tectoy fabrica por aqui, para o mercado interno japonês, quanto um console da Sega (sendo DC2 ou não) ou ainda um projeto cancelado.

  13. Rodolfo
    2, janeiro, 2013 em 14:47 | #20

    a base é um controle analogico de SEGA SATURN

    • 2, janeiro, 2013 em 22:23 | #21

      Exato, assim como o Felipe comentou lá em cima.

      Me pergunto o que será que a SEGA pretendia com uma patente de um joystick, que basicamente é o joystick do Saturn com todas aquelas funções estranhas, 11 anos após a criação do Saturn e, logicamente, após a "morte" do sistema? É um mistério até hoje.

  14. ricgf@yahoo.com.br
    29, janeiro, 2013 em 13:03 | #22

    O Saturn foi lancado em 1995 e a SEGA já comecou a matar ele em 1997! Quem conhece sabe que ele era mais maquina que o PS1 mesmo nao tratando efeitos de luz, transparencia e sendo mais dificil para programar, era uma maquina melhor, melhor som, melhor controle, mais memoria e expandivel. E o pior mataram o Saturn para lancar a merda do Dreamcast aquele controle lixo 4 botoes, o que era aquilo? VMU lixo. Nao tinha suporte a DVD. O Saturn deveria ter continuado até 2000/2001 e aí sim lancar não o Dreamcast mas o Saturn2 com retrocompatibilidade e suporte DVD ja que a essa altura teria uma biblioteca animal com Shenmue inclusive.

    • Ford
      1, março, 2013 em 16:22 | #23

      Controle lixo, VMW lixo… Esse não saca nada de nada :P

  1. Nenhum trackback ainda.
Você deve estar autenticado para enviar um coment´rio.
%d blogueiros gostam disto: