Página Inicial > Passagem Pirata, Super Nes > Passagem Pirata #03 – Os jogos do futebol peruano!

Passagem Pirata #03 – Os jogos do futebol peruano!


Passagem Pirata está de volta! O vencedor da enquete anterior foi o jogo Futebol Descentralizado #93 para Super NES, mas como não há tanta coisa assim a falar do jogo, resolvi falar de mais dois jogos que foram feitos no Peru e que abrangem o campeonato peruano também. Fico devendo o Fútbol Peruano 97 que é baseado no International Superstar, mas o falarei em um futuro post no qual cobrirei os piratas do International Superstar Soccer Deluxe.

Resultado final da última enquete:

 

1. Super Descentralizado 93 (SNES) 14 votos 35%
2. Ultimate League Soccer / Futebol (NES) 8 votos 20%
3. Super Ping Pong (SMD) 7 votos 17.5%
4. Quattro Sports (NES) 6 votos 15%
5. 94 Super World Cup Soccer (SMS) 5 votos 12.5%
Total: 40 votos 100%

Ao invés de falarmos somente sobre o Super Descentralizado 93, vamos abranger alguns dos jogos feitos no Peru com times.

Descentralizado 93 (baseado em Super Formation Soccer II)
Ao que parece foi o primeiro jogo de futebol peruano a ser alterado e lançado em 1993. Descentralizado é como se chama a Liga Peruana da primeira divisão que adquiriu esse nome em 1966 e que quer passar uma ideia de que não é somente centrado no centro do país (no caso, na região de Lima) e sim, que abrange todo o país. O jogo é o mesmo do Super Formation Soccer II e tem os times Sporting Cristal, Alianza Lima, Melgar, Universitário, Cienciano, Manucci, Deportivo Municipal, Sport Boys, Sipesa, Leon, San Agustin, Minas, Defensor Lima, Alianza Atl., Union Huaral e UTC (Universidad Tecnica de Cajamarca) e assume o campeonato peruano do ano de 1993, os times, inclusive são os mesmos. O campeão esse ano foi o Universitário.
Há dois modos: Exibição e Human Cup, no segundo você enfrenta todos os times até ser campeão. Os nomes dos jogadores estão em japonês e podem ser os nomes dos jogadores originais.

Faça o download aqui

Copa Libertadores 3 (baseado em Super Formation Soccer II)
Não, não sei sobre o Copa Libertadores 1 e 2, ainda que o jogo indique que essa é a versão. O jogo é uma versão do Super Formation Soccer II também e possui dois modos: Exibição e Copa Peru (Libertadores, Copa Peru, como assim?). Os times disponíveis (quando o país do time não é citado ele é do Peru), são Universitário, Deportivo Medellin (Colômbia), Emelec (Equador), Barcelona (Equador), Sporting Cristal, Melgar, Sport Boys, Alianza Lima, Municipal, Sipesa, Manucci, Cienciano, Juan Aurich, Ciclista Lima, Leon Huanuaco e San Agustin.
O jogo é praticamente o mesmo do anterior, somente com alguns times alterados. Parece que de fato, eles iam fazer com times da Libertadores e pararam no meio. Outra alteração está nos nomes dos jogadores, que agora aparecem abreviados, com três letras somente, inseridos sobre o nome original japonês.

Faça o download aqui.

Super Descentralizado II y Super Equipos Invitados (baseado em International Superstar Soccer)
Os dois anteriores não tinham fabricante, esse tem: É a Eagle Soft (veja o logo lá em cima) e que também é a possível fabricante dos dois jogos anteriores. Nesse caso, o jogo que foi pego foi o International Superstar Soccer, o jogo original, não a versão Deluxe e como o nome do jogo diz: há muitas equipes convidadas. O campeão do torneio de 1993 também foi o Universitário de Desportes. Esse jogo, na verdade, é uma bagunça entre seleções e clubes (veja abaixo).
Participam os times: Real Madrid (Espanha), Peru (seleção), Universidad Chile, Municipal (Peru), Sport Boys (Peru), Sipesa (Peru), Sporting Cristal (Peru), Alianza Lima (Peru), Universitário (La U do Peru), Flamengo (Brasil), São Paulo (Brasil), Colo-Colo (Chile), Bolívia (seleção), Colômbia (seleção), Barcelona (Espanha), River (argentina), Velez Sarsfield (Argentina), Milan (Itália), Paraguai (seleção), Equador (seleção), Uruguai (seleção), Argentina (seleção), Chile (seleção), Brasil (seleção) e México (seleção). Resulta em 32 times e as descrições são curiosas. Ele cita o Barcelona como a melhor equipe do mundo e no caso do São Paulo fala que os meiocampistas não são bons no passe.

Faça o download aqui.

Super Descentralizado 1995 (baseado em Excite Stage)
Mais um jogo, agora baseado no campeonato peruano de 1995 cujo campeão foi o Sporting Cristal. O jogo é baseado em um futebol da Capcom chamado Excite Stage (no Ocidente foi lançado como Capcom Soccer Shootout). O original era com times da J-League (campeonato japonês), enquanto a versão Ocidental era com seleções. Esse é com times do campeonato peruano e possui uma abertura interessante (veja ao lado) e começa com fotos dos maiores times peruanos: Sporting Cristal, Alianza Lima e Universitário de Desportes e depois que aparece escrito “El Clasico” acontece um soco de um jogador em outro repetido de formas bem engraçadas e por fim, um mascote do Alianza Lima para dar um susto básico nos jogadores.
Esse jogo também tem fabricante: É o Nasca Team e aparece na abertura do jogo (no original, aparecem jogos da Capcom como Saturday Night Slam Masters). Há dezesseis times disponíveis: San Agustin, Sipesa, Municipal, Universitário (La U), Sporting Cristal, Leon de Huanuaco, Melgar, Alianza Lima, Aurich, Sport Boys, Defensor Sporting e Ciclista Lima.
Os times têm os jogadores reais e o mais incrível: as fotos deles quando estão com a bola! Além disso, uma coisa indica que o original desse jogo é o Excite Stage: há vários logos da J-League inseridos no jogo (Veja no fundo da figura abaixo)!

Faça o download aqui.

Agora, ajude a escolher o próximo jogo!

Dois jogos: O primeiro é MK5 – Mortal Combat 5 – Sub Zero, uma versão do Mortal Kombat Mythologies – Sub-Zero (Playstation e N64), o jogo também saiu para Super NES, mas ainda não foi emulado. O outro é o Top Fighter 2000 MK VIII que mistura personagens do Street Fighter, SNK, o Goku do Dragon Ball e dois perosnagens bizarros: Michael Jordan e Muhammed Ali!

Sou professor de História, que também joga improvisionado em Geografia. Gosto muito de games alternativos, jogos que muitas vezes seguem o fora do padrão, assim como os piratas.

Facebook Twitter LinkedIn Google+ 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Categories: Passagem Pirata, Super Nes
  1. 5, maio, 2012 em 01:46 | #1

    Os jogos de futebol sempre foram alvo dessas versões pirata. Creio que seja porque as pessoas gostam de jogar com alguns times específicos que acabam não entrando nos jogos. Um exemplo atual disso são os mods de Pro Evolution Soccer com times personalizados.

    Ótimo post, Talude! Gostei muito das curiosidades. Já deixei meu voto para o próximo Passagem Pirata. :-)

    • Talude
      5, maio, 2012 em 14:05 | #2

      Atualmente os hacks (vendidos, há de se constar) são produzidos aqui no Brasil mesmo. Nessa época, a grande diferença é que os jogos eram feitos no Peru e esses jogos dão essa dica :).

  2. ritinharat
    5, maio, 2012 em 09:59 | #3

    Eu não gosto de jogos de futebol, mas confesso que é interessante conhecer essas "pérolas" regionais.
    Bela pesquisa Talude!

    Obs: vi o link no Google+

  3. Kurt
    5, maio, 2012 em 12:10 | #4

    O melhor pirata ever todo mundo vai concordar q é o Ronaldinho 98!
    Preciso testar esses daí depois, apesar do futebol peruano ser uma porcaria.

    • Kurt
      5, maio, 2012 em 12:11 | #5

      E eu não li direito o começo do texto e agora to na expectativa do post com os piratas do ISS!!!

  4. Guiherme
    7, maio, 2012 em 11:18 | #7

    Aproveitando de hacks peruanos, alguém conhece ou já viu um campeonato peruano hack de winning eleven, um dos primeiros do ps1? Na narração tinha frases clássicas como "Golazo, golazo , golazo!" e "La partida esta que quema". Procuro a anos essa iso mas não consigo encontrar.

    • Gustavo
      13, julho, 2013 em 17:07 | #8

      Olá, eu tinha esse CD do PS1, sei qual é. Estou procurando também, ganhei esse cd de cagada tinha pedido o Winning Eleven 3 e veio esse fiquei puto, depois vi que era legal. Esse ainda não achei para download, mas tenho o primeiro hack de PES/WE já criado que foi o Copa do Brasil 2000, acho que ninguem tem isso só eu. Outro que tenho é o ISS Deluxe versão PS1 com modificações e melhorias emn relação a versão do Snes.

  5. 7, maio, 2012 em 16:11 | #9

    Não sei aonde o Talude arranja tanto jogo estranho assim, putz.

    Cara, o mascote do Alianza Lima parece o Edie (é assim que se escreve?), o mascote monstruoso do Iron Maiden.

    Votei em Mortal Combat – Sub-Zero (é assim que se escreve [2] mesmo, com o C no lugar do K?). Não sabia da "existência" desse game pro Mega.

    • Talude
      7, maio, 2012 em 21:55 | #10

      No caso do jogo pirata, é sim com "C". Se não me engano, em um MK pirata de NEs eles colocam Mortal Combat também. E acho que na label do cartucho está escrito do mesmo jeito.

      E de fato, lembra o Eddie. Só não sei se isso é um mas(sa)cote ou uma provocação entre torcidas. O time mais forte nos jogos geralmente é o Universitário.

  6. Gamer Caduco
    8, maio, 2012 em 23:45 | #11

    Caçarola, sério mesmo? Jogos do futebol peruano? Existe isso? kkkkkkkkk… rachei o bico aqui!
    Esse da Libertadores foi o mais cômico, colocaram no ar um jogo não terminado! hahuahuauha
    Mas no outro, quem alterou fez um trabalho bacana colocando fotos e tal.
    Povo que faz ROM hacking é meio maluco, não? hehehe
    Post bacana!
    Abraço

  7. pedro12
    11, maio, 2012 em 19:51 | #12

    Gostei do post.Este Super Descentralizado é esquisito,nunca ouvi falar desse hack.E olha que eu adoro hacks.É interessante notar que games de futebol são os que mais ganham modificações…
    Votei no Mortal ´´Combat“.Os caras são tão idiotas assim para escreverem um nome universal no mundo dos games errado.

  1. Nenhum trackback ainda.
Você deve estar autenticado para enviar um coment´rio.
%d blogueiros gostam disto: