Clipe Musical de Mega Man

Quem gosta da série clássica do Mega Man (e quem não gosta?) provavelmente gostará deste video. É mais um top hit clipe musical tendo como tema ou inspiração jogos de videogame, neste caso, o jogo Mega Man 1 (Nes). A música do clipe chama-se I’ve Got Nothing to Hide e o vídeo mostra passagens do game, montagens e efeitos bem legais, com um alto nível de saudosismo. Confira o clipe e logo abaixo a letra da música:

Leia mais…

Categories: game music, Nes

Imagem do dia – O Objetivo de Pitfall

Pitfall (1982), do console Atari 2600, foi inovador por ser um dos primeiros jogos a mostrar um personagem humano com movimentos articulados. Harry corria por uma vasta selva, cheia de obstáculos naturais e inimigos bem perigosos. Mas qual o objetivo de passar por tantos perigos? O que Harry procura no meio da selva? Veja a resposta na imagem abaixo (clique nela para ampliar):

Ops, agora é a vez do player 2 buscar a bola!

.

Imagem via: Flickr – Input Blog

Categories: humor, variedades

Especial Fantasy Zone – Parte III

E, para encerrar as matérias especiais sobre Fantasy Zone – que você pode encontrar aqui e aqui – chegamos à última parte. Dessa vez, falando de Space Fantasy Zone, um jogo que mescla os universos de Space Harrier e Fantasy Zone, e que seria lançado para o PC Engine CD-ROM, mas fora cancelado de última hora.

Acompanhe a análise deste jogo!

Categories: curiosidades, reviews

Metal Gear Solid Peace Walker Original Soundtrack – Análise

Metal Gear Solid – Peace Walker, lançado ontem (dia 15/04), para o PSP, dá continuidade à saga de Naked Snake, anteriormente contada em Metal Gear Solid 3, para Playstation 2, e Portable Ops, para o portátil. Originalmente entitulado como o quinto episódio da série, o game envolve Big Boss na liderança dos Militaires Sans Frontières, grupo de mercenários cuja missão secreta é a de impedir que um desconhecido grupo militar consolide a construção de bases militares na Costa Rica, o que poderia prejudicar a balança de poder bipolar consequente da Guerra Fria. O jogo traz algumas mudanças significativas na jogabilidade, modo co-operativo, entre outras novidades. Será que a música veio renovada, com novas idéias?

Clique para ver a análise sobre a trilha sonora deste jogo!

Categories: game music

Night Trap – Parte 1 (Review)

Existem games que são  tão marcantes que acabam definindo o ciclo de vida inteiro de um console, trazendo uma associação imediata entre um e outro. Esses jogos podem representar perfeitamente o quanto a plataforma sucedeu em divertir seu público, ou então, de tão ruins que são, podem representar como o console falhou nessa tarefa. Esse é o caso de Night Trap.  O jogo, lançado em 1992, representou o “ápice” do estilo de jogo FMV (Full Motion Video) , gênero caracterizado pelo uso de vídeos digitalizados como forma de jogabilidade. Lançado primeiramente para o Sega CD, o jogo não serve apenas como uma lembrança de como o Add-on para o Mega Drive foi um mico, mas também como todo um conceito de revolução foi por água abaixo com games/filmes de qualidade duvidosa, e que custaram caro demais.

Neste especial de duas partes, falaremos do jogo e da polêmica em que esteve envolvido.

Confira o review de Night Trap!

Categories: Mega Drive, reviews

A Enciclopédia do Mega Drive

enciclopédia do mega drive

Clique na imagem

Quem é fã do famoso console de 16-Bits da Sega, o Mega Drive, não pode deixar de conhecer a Enciclopédia do Mega Drive (também conhecida como “Continue Japanese Info Book“). É um livro japonês muito bem acabado, com uma capa preta levando a inscrição “16-BIT” em dourado, remetendo diretamente ao design do Mega Drive japonês, feito sob medida para os saudosistas deste sistema.

.

.

>> Ler a matéria completa!! <<

Categories: curiosidades, Mega Drive

Campanha Imposto Justo para Videogames

Estava eu neste feriado, dia 02 de Abril, tentando criar um movimento pelo Twitter – o uso de tags, clamando pelo fim dos impostos abusivos sobre os games, em todo e qualquer tweet de nós, gamers, como uma assinatura – quando fiquei conhecendo um novo movimento, mostrado ao público no evento recente Game World e conhecido por “Campanha Imposto Justo para Videogames“.

Ao invés de incentivarmos o início do zero de um novo projeto em Brasília, porquê não clamamos pela aprovação de um que já existente e que já teve um bom caminho percorrido, além de carecer apenas de vontade e pressão popular para ser aprovado?

O projeto de lei 300/07, que foi apresentado em 2007 pelo então deputado Carlito Merrs (PT-SC), visa estender os benefícios de desoneração dos produtos de Informática aos videogames – fazendo cair radicalmente o preço dos mesmos.

Desde 2008 este projeto de lei está parado na Comissão de Finanças do Senado, sendo seu relator o deputado Antonio Palocci (PT-SP).

A campanha visa pressionar, de maneira organizada e consciente, a aprovação do projeto, fazendo com que os games neste país tenham um tratamento justo, beneficiando o mercado, os consumidores, os desenvolvedores nacionais e a própria economia do país.

Os blogs, sites e fóruns de games devem assumir sua importante representação neste momento, informando e conscientizando seu público para que atuem de maneira decisiva para que os atuais e absurdos impostos sobre os games acabem. Apenas reclamar pode não adiantar, mas a pressão do clamor popular pelos seus direitos sim.

Assine a campanha (nome, RG e e-mail) e divulgue:

>> Campanha Imposto Justo para Videogames <<

Categories: especiais, notícias

Trilha sonora de Sonic 4 vaza na Internet!

Há alguns posts atrás, havia confirmado para vocês que a trilha sonora do primeiro episódio de Sonic 4 seria composta por Jun Senoue, cuja intenção é a de reproduzir nos consoles Next-Gen toda a genialidade das músicas do Mega Drive, assim como suas limitações – como o uso apenas de sintetizadores limitados e os mesmos samples de bateria.

A princípio,  a receptividade foi boa, a partir das músicas disponibilizadas pela Sega no site oficial. Até o momento, só tínhamos as canções da tela título e da primeira fase.

E não é que a trilha sonora “vazou”? Não se sabe ainda se é um rip direto de alguma versão demonstrativa do game, mas cobre todas as fases do jogo e seus três atos, incluindo também os temas de invencibilidade, Special Stage, Chefes, entre outros.

Será que fez jus ao original? Confira você mesmo!

Clique aqui para baixar a trilha sonora

Miniaturas de Games

Por morarmos num país aonde os games são tratados oficialmente como lixo futilidade, ao contrário do Japão, basta a nós, pobre gamers brasileiros, ficar babando pelo que sai neste país.

Uma das várias e interessantes bugigangas baseadas nos games são as chamadas “gashapon” – ou miniaturas. Neste caso, são chaveiros ou miniaturas de alguma tela ou personagem dos games mais famosos, bem fiéis aos mesmos.

Veja as imagens abaixo (e clique para ampliar):

.

Chaveiros de Personagens de games:

Eu quero um chaveiro do Mario!

Leia mais…

Categories: Arcade, Nes, Nintendo DS, variedades

Papercraft de Silent Hill

Que tal ter um papercraft baseado no game Silent Hill, neste caso, o segundo da série? Olha só que legal:

Um monstro quadrado!

Basta salvar a imagem abaixo ampliada, imprimir, cortar e dobrar como é indicado:

Clique na imagem para ampliá-la

Este papercraft foi criado pelo blog Tubby Paws. Outros papercrafts bem legais estão disponíveis por lá, além de imagens de design interessante. Fica a dica.

Categories: variedades

Super Mario Bros. Especial (jogo raro)

Conheça uma das versões mais raras do game Super Mario Bros., para o PC-8801 da NEC, um computador que não chegou a dar as caras fora do Japão.

Veja também um pouco sobre este sistema, seus games e outras versões de games do Mario para o famoso (no Japão) computador da NEC. Clique na imagem abaixo ou no link:

Tela de apresentação

.

>> Leia a matéria completa <<

Categories: PC-8801, versões

A música de Sonic 4

A mais nova tentativa da Sega de trazer Sonic de volta aos tempos gloriosos do Mega Drive tem gerado certa discussão. Apesar do retorno ao 2D tenha sido visto com bons olhos pelos fãs, nem todos gostaram da animação que o personagem possui, como divulgado em um vídeo  que vazou na internet. Pessoalmente, eu também achei estranho um Sonic feito de massinha, mas vamos aguardar para ver

E a trilha sonora? A Sega revelou em seu blog que Jun Senoue está responsável por revitalizar a música de Sonic. O compositor teve como seu primeiro trabalho o game  Sonic 3, e, após a transição para o 3D, a trilha sonora da série se perdeu em várias besteiras eletrônicas ou músicas Heavy Metal cantadas cafonas – grande parte que ele mesmo havia produzido.

Por isso, antes que você pense que ele já começou a gritar e fazer solos de guitarra, por favor, reconsidere. Como uma amostra, a empresa divulgou em seu site oficial as músicas da tela principal do jogo, e também da primeira fase. De cara, dá pra ver que a intenção é de recuperar o estilo Pop-rock de Masato Nakamura, que compôs as trilhas de Sonic 1 e 2; tanto que são usados os mesmos samples de bateria das músicas de  Mega Drive.

E, como elas ficam no jogo? Bem, fiz uma edição mesclando com o Gameplay do Sonic 1. Confira as músicas aqui:

A música de Stage Clear eu peguei do Sonic R; apenas utilizei na edição para deixar mais coerente.

O que achei? A música não empolga muito, ainda falta uma introdução, mas ainda assim  é muito melhor que qualquer composição genérica inspirada em techno-rock.  Vamos ver se Jun Senoue mantém esse ritmo!

Categories: game music