O Nintendo 64 e seu áudio lamentavelmente mutilado

O Nintendo 64 era demais. Sem sombra de dúvida. Na época em que eu jogava muito esse console, não pensava de jeito algum em trocar pelo Playstation – se bem que, lembrando bem, houve uma época em que acabei me rendendo à Sony, fazendo ocasionais trocas de videogame com os amigos. Enquanto eles se acabavam com os meus cartuchos de Mario Party e Smash Bros, ia descobrindo clássicos como Metal Gear Solid, Ridge Racer Type-4, Dino Crisis 2; muita coisa boa, apesar dos load times e das texturas tortas que às vezes não suportava (e também de ter que virar o videogame de cabeça pra baixo para os vídeos não travarem).

Porém, jogando no Playstation, também descobri uma realidade cruel: o som do Nintendo 64 era fecal. E não era apenas algo que fedia. Era de fato uma deficiência grave do console, algo que definitivamente não foi uma prioridade na engenharia do sistema. Se já não bastava o fato de o videogame utilizar o cartucho como mídia de armazenamento, com limitada capacidade de memória (impedindo o uso de muitas vozes em alta qualidade), o hardware não tinha nem mesmo um chip sonoro, ou uma CPU dedicada ao áudio, nada! Todo os efeitos e músicas, todo o programa de sequenciamento, a descompressão, enfim, todo o som tinha de ser gerado via software, ou seja, competindo no mesmo espaço onde parte da programação do cartucho era processada, prejudicando o desempenho do jogo.

Leia mais…

Categories: curiosidades, variedades

O que você jogou em 2012? Versão do Flavio Master

Início de ano sempre tem aquele ar de retrospectiva, onde você fica olhando o que acertou, o que errou, como melhorar e o blá blá blá de sempre. Mas no final, sempre penso igual ao Marcos: mesmo tendo um monte de videogames, cadê o tempo pra jogar? E ainda, quando eu tenho tempo, cadê mais gente pra jogar comigo? Afinal, vai demorar pro meu pequeno padawan crescer e, como old gamer que sou, jogar on-line com japinhas que decoram o tempo do frame de jogos de luta e te batem sem deixar tempo de pensar é absolutamente broxante.

Oldgamers

Assim sendo, é impossível ficar longe dos detestados (pelo Marcos) jogos casuais, mas isso não me impede de soprar a poeira dos meu VGs velhos de guerra de vez em quando. À lista, senhoras e senhores.

Leia mais…

Resident Evil 1.5 poderá ser lançado por fãs!

Resident Evil 1.5 - Abertura

Grupo diz ter em mãos uma das versões de RE1.5 e pretende lança-la em breve!

.

Um dos maiores segredos da CAPCOM está guardado há pelo menos 15 anos em alguma gaveta empoeirada, bem longe do alcance do público: a versão cancelada de Resident Evil 2 (Bio Hazard 2, no Japão), apelidada de Resident Evil 1.5.

Só pra lembrar, a continuação do grande sucesso da CAPCOM foi cancelada quando estava por volta de 80% concluída, devido à insatisfação dos produtores com o game. O projeto recomeçou do zero e deu origem ao RE2 que todos conhecemos. Os detalhes e imagens do jogo foram amplamente divulgados e estão por aí na rede, mas nunca ninguém conseguiu pôr as suas mãos nesse valiosíssimo protótipo.

Leia mais…

O que você jogou em 2012? Versão do Talude

Esse talvez seja o primeiro ano que eu dê preferência para jogos online e a jogos mais avançados que 16 bits. Talvez o principal motivo seja que esse ano consegui ter um PC melhor (ainda que a placa de vídeo esteja com problemas). Jogar alguns jogos que vou citar aqui era impossível, seja pela lentidão que ficava online ou por não rodar mesmo. Ah, como a velocidade ajuda… Bem, vamos aos jogos.

Leia mais…

O que você jogou em 2012?

Games que joguei em 2012

Se você está lendo este post significa que o ano de 2012 está acabando, o mundo não terminou dia 21/12 e o Passagem Secreta milagrosamente renasceu das cinzas após seguidos problemas no segundo semestre. E, mais uma vez, mesmo que tardiamente mas cumprindo com o prometido, estamos (dessa vez apenas eu, raios!) participando de mais um meme: os jogos que mais joguei no ano de 2012.

Leia mais…

Quando o GTA encontra a Sega

CJD-500

Sim, a série Grand Theft Auto só apareceu em consoles da Sega pelo Dreamcast com uma versão de Grand Theft Auto 2. Também haviam rumores de que o Grand Theft Auto III seria lançado para esse console, mas acabou sendo cancelado. Mas há duas homenagens em que é possível ver coisas da Sega. Veja abaixo.

.

Leia mais…

Select Player #1 – Mortal Kombat

Select Player 1 - Mortal Kombat

.

Seção nova no Passagem Secreta! O Select Player tem a missão de descobrir qual é o melhor personagem dos games mais famosos da história, seja ele luta, RPG, Survival Horror, etc. Além de votar no seu personagem preferido numa enquete que nunca se expira, os comentários serão usados para uma discussão técnica em busca do melhor personagem de cada game!

O jogo inaugural é um dos games que os leitores do Passagem Secreta mais curtem: Mortal Kombat, o game de luta que impressionou todo mundo trazendo gráficos digitalizados dos seus personagens e muita violência. Só pra lembrar, foi o primeiro jogo a realmente bater de frente em nada mais nada menos do que o arrasa-quarteirão Street Fighter II, ameaçando sua soberania nos games de luta.

  Leia mais…

Categories: colunas, Select Player

A viagem do Sonic Team às ruínas Incas e Maias

Ano de 1996. O Sonic Team estava buscando inspiração para o desenvolvimento de um jogo que seria uma reviravolta na franquia do ouriço, o seu primeiro game completamente em 3D: Sonic Adventure (Dreamcast). O grupo resolve executar uma ideia recente: uma viagem às ruínas Incas (Peru) e Maias (México), a qual serviria de base para a criação de vários estágios do game. Trago nesta matéria algumas das fotos raras desta viagem, o seu roteiro completo e o momento histórico da franquia que motivou esta aventura.

.


Leia mais…

Categories: curiosidades